Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desafio de Escrita

Tema #8 Fátima Cordeiro

07
Nov19

Intervenção da narradora-autora: Finalmente, no dia seguinte, Guillaume conseguiu sair daquela cidade do Litoral que muita gente pensa que fica no Interior (coisa que ele desejava desde o inicio da história) e ir até à praia de São Pedro de Moel. Para isso alugou um outro carro, desta vez com um bom GPS que não o desenganou. Não havia muito transito porque era semana e a época balnear já tinha terminado. Estava frio, mas mesmo assim Guillaume decidiu tomar banho. Deu uns mergulhos mas logo ficou cansado. Nessa noite tinha dormido mal, perdido em tantas recordações do passado. No que tinha vivido e o que lhe tinham contado sobre a França ocupada.

Primeiro dormiu uma pequena sesta na praia. Depois decidiu escrever uma carta para a criança que tinha sido. Pegou no telemóvel, abriu a app e começou a escrever. (Escreveu-a em francês mas eu, como narradora-autora posso Tudo, até traduzir cartas de francês para português automaticamente.)

Guillaume (a escrever a sua carta): Queria criança que um dia fui,

Foste criado por teus pais com todo o amor e demasiado conforto. Os teus avós adoravam-te, mas estavam sempre em conflito. Uns queriam viver para sempre na França de Philippe Pétain outros na França de Charles de Gaulle. As vítimas dessa guerra foram os teus pais. Um casamento infeliz, de fachada. Todos os dias se zangavam. E tiveram apenas um filho. Tu.

Primeiro não sabias quem eras. Precisaste de muito tempo para perceberes que não eras heterossexual como a maioria dos seus amigos. Para viver com isso. Depois precisaste enfrentar os teus pais e a sua censura. Quase um ano inteiro fechado naquela casa! Depois voltaste ao liceu e começaste a tirar fotografias. Criaste o teu caminho, a tua história. Devagar se vai ao longe! Hoje és um fotógrafo reconhecido. Colaboras com revistas e jornais.

Não temas. Vais sofrer muito ainda. Mas também aprender. A vida vai-te surpreender muito. Para o bom e para o mau. A vida é mesmo assim!

 

Tema da semana: Escreve uma carta para a criança que foste

Fátima Cordeiro escreve aqui

Acompanha todos os posts deste desafio aqui

Segue-nos na nossa página do facebook

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.