Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Desafio de Escrita

Tema #6 Biiyue

21
Out19

As folhas batiam umas nas outras com o vento suave que se fazia sentir. Um arco-íris de cores começando nos tons castanhos avermelhados das folhas e acabando nos tons azuis a mudar para rosa pastel do céu. Ainda se sentia um resto de calor de verão no ar trazido pelo vento, apesar da temperatura ter baixado ligeiramente.

Por toda a paciência durante meses, ele decidiu render-se ao romantismo que ela
negava, e levou-a passar a noite numa cabana "perdida" no meio de um pinhal junto à praia. Ela estava rendida aquele ambiente e ao gesto de amor que sonhava, mas ignorava. 

Era uma cabana típica por fora, mas por dentro tinha um toque moderno e simples. Enquanto ela ficou cá fora a viver aquele ambiente, ele entra dentro da cabana, acende a lareira e começa a preparar o jantar. O tempo vai passando, o jantar fica pronto e ela não aparece. Ele vai a procura dela, mas não a encontra. Começa a andar na direção na praia e vê um vulto a rodopiar e a admirar o pôr-do-sol. Lentamente vai ter com ela, a sorrir com aquela visão e a pensar que não poderia ter havido melhor surpresa. Ela vê-o, corre para ele e salta-lhe para os braços, beijando-o profundamente. Não eram precisas palavras, ele sabia como ela precisava daquela liberdade de escapar do mundo e ela sabia que apesar de desaparecer, ele iria encontrá-la, desculpá-la e viver aquele momento. 

Sentam-se na areia e entre beijos o clima começa a aquecer. Como sempre, ela já está praticamente sem roupa e pronta para lhe saltar em cima. Ele para-a porque a
temperatura começou a baixar bruscamente e tinha preparado todo um ambiente na cabana. Ela lá se veste a resmungar, enquanto ele só se ri e a pica. Chegam à cabana, as roupas vão sendo espalhadas pelo chão por entre troca de beijos sôfregos e toque de corpos. Não há sexo melhor que aquele de momento e direto para a satisfação, especialmente num ambiente novo e confortável.

Saciados, exaustos e com fome vão finalmente jantar, que apesar de já estar frio tinha sido feito com tanto amor. Enquanto ele reaquecia o jantar, ela vai ao frigorífico buscar bebidas frescas, senta-se a admirar aquele eletrodoméstico e suspira em exclamação que era um igual que queria comprar para a casa.

 

Tema da semana: Escreve uma história romântica baseada no clássico "O Amor, uma cabana… e um frigorífico"

Biiyue escreve aqui

Acompanha todos os posts deste desafio aqui

Segue-nos na nossa página do facebook